sexta-feira, 20 de março de 2009

As Quatro Fases da Alquimia

- A alquimia representa a projeção de um drama ao mesmo tempo cósmico e espiritual em termos de laboratório.
- A "opus magnum" tinha duas finalidades: o resgate da alma e a salvação do cosmos...
- Esse trabalho é difícil e repleto de obstáculos; a opus alquímica é perigosa. Logo no começo, encontramos o "dragão", o espírito ctônico, o "diabo" ou, na linguagem dos alquimistas: o "negrume", a "NIGREDO", e esse encontro produz sofrimento... a matéria sofre até a nigredo desaparecer, quando a aurora será anunciada pela "cauda pavonis" e um novo dia nascerá, "ALBEDO".
 - Mas neste estado de "brancura", não se vive, seria uma espécie de estado ideal, abstrato. Para insuflar-lhe vida, deve ter "sangue", deve possuir aquilo a que os alquimistas denominam a "RUBEDO".
- Só a experiência total da vida pode transformar esse estado ideal de albedo num modo de existência plenamente humano. Só o sangue pode reanimar o glorioso estado de consciência em que o derradeiro vestígio de negrume é dissolvido, em que o diabo deixa de ter existência autônoma e se junta à profunda unidade da psique.
- Então, a "opus magnum" está concluída: a alma humana está completamente integrada. (JUNG resume a 'Opus Alquímica'.)
Há vinte anos atrás ainda estudante de FILOSOFIA, me encantei com a OBRA de JUNG, MITOLOGIA, ALQUIMIA, SONHOS... As quatro fases da ALQUIMIA CLÁSSICA me guiaram na ALQUIMIA INTERNA, para só então me sentir apta como PSICOTERAPEUTA.
1. NIGREDO - Cor negra, chumbo, saturno, denso, sofrimento intenso; sombra, depressão, enfrentamento da raiva, ódio, cobiça, inveja. Nesta fase os conteúdos do INCONSCIENTE aparecem em forma de sonhos. Na alquimia clássica essa emersão no INCONSCIENTE era causada por gases tóxicos (chumbo), onde os alquimistas chegavam à loucura. Nenhum trabalho TERAPÊUTICO acontece sem este processo de isolamento e enfrentamento. Um bom ANJO se faz necessário, se não for o TERAPEUTA, um amigo, um MESTRE... A fase sombra, nos torna mais humanos, com ela podemos chegar à ILUMINAÇÃO.
2. ALBEDO, ÁGUA, PURIFICAÇÃO, PRATA - É a fase mais RACIONAL, há uma cisão entre o problema e os sentimentos ("SEPARATIO"). Na ALQUIMIA CLÁSSICA, é a LIMPEZA, DESTILAÇÃO, ORDEM. Tudo flui com mais facilidade e a dor é menor. O INDIVIDUALISMO, que precisa se esgotar para a próxima fase.3. CITRININAS - FASE CURTA, na alquimia POUCO SE FALA, mas em PSICOTERAPIA significa que o amarelo envelheceu. Na ALQUIMIA algo cheira mal, ENXOFRE a alma quer ir além de si mesma, se volta para as questões do mundo, experimenta a COMPAIXÃO, COMPARTILHA, DIVIDE. Então o AMARELO torna-se DOURADO, RADIANTE, ILUMINADO. Dando início à próxima etapa4. RUBEDO, VERMELHO, MERCÚRIO, OURO - Síntese interna, a união do MASCULINO e FEMININO da ALMA. Na ALQUIMIA é o casamento do SOL com a LUA, do CÉU com a TERRA ("CONJUNCTIO"). É o nascimento do NOVO, a RESSURREIÇÃO. Para JUNG é como estar no alto da montanha e ver a TEMPESTADE passar, não é o fim dos problemas porque a VIDA é DIALÉTICA, mas algo em nós já é capaz de dizer: Esse caminho é meu meu velho conhecido, "NESTA ARMADILHA NÃO CAIO MAIS." (Fatima Vieira - Psicóloga Clínica)

2 comentários:

Luciana disse...

Olá, boa tarde, seu conteúdo me auxiliou no entendimento de algumas questões sobre Alquimia. Foi muito interessante!! Você me autoriza a citá-lo no meu trabalho de monografia? Eu ficaria imensamente grata!!
Aguardo ansiosamente sua resposta (é muito urgente)..
Grata,
Luciana Martins
10o período/ Psicologia Puc Minas.

psique disse...

Oi Luciana Martins agradeço sua visita, o saber é para ser compartilhado, se o texto lhe foi útil faça bom uso! Um Abraço Fatima Vieira