domingo, 4 de dezembro de 2016

(...)

Ferreira Gullar - 1930/ 2016
 “Maio de 1964”

Tenho 33 anos e uma gastrite. 
Amo a vida
que é cheia de crianças,

de flores
e mulheres, 
a vida,
esse direito de estar no mundo,
ter dois pés e mãos, uma cara
e a fome de tudo, a esperança.
Esse direito de todos
que nenhum ato
institucional ou constitucional
pode cassar ou legar.


Mas quantos amigos presos!
quantos encárceres escuros
onde a tarde fede a urina e terror.
Há muitas famílias sem rumo esta tarde
nos subúrbios de ferro e gás
onde brinca irremida a infância da classe operária.
(Ferreira Gullar)

Ψ Sonhei... Com o Pássaro Azul

"... pra que nome? ele era azul e voava." (Mario Quintana)

"Um sonho não interpretado é como uma carta não lida." (Talmud)

O Arquétipo do Pássaro: "Os pássaros são mensageiros dos deuses, eles carregam nossas preces."

*A ponte entre o céu e a terra. É um piscar de Deus. Um 
Insight. 

*Uma parte de você está ativa durante o sonho. Onde você acessa a consciência do que se torna um cartão postal enviado para despertar a pessoa que dorme de dia.

*Cada noite você viaja para uma terra estranha para através do sonho entender a verdadeira essência de quem você é, e que não se reconhece durante o estado de vigília.

*Ao sonhar você acessa um 'lugar', como se não houvesse nenhuma casa para onde voltar.

*Ao retornar, você meio desconcertado observa através da soleira da porta onde 'os dois mundos se tocam' ... você sabe que esteve viajando através de uma rede que transcende qualquer fronteira.

*Tênue é  o sonho, como o nosso destino... se tentarmos segurá-lo acabamos por perdê-lo.'  No silêncio ele nos fala, mas se tentarmos falar o destino se cala.

*Não mate o seu pássaro no vôo. Já dizia o mestre: se você não quer nada do TAO, você o tem.

*O SONHO:  (...) um pássaro azul voando suavemente sobre a minha cama, me olhando ternamente; ele procurava sua companheira e a confundiu com um cobertor azul... (feito o homem esquizofrênico que confundiu sua mulher com um chapéu!). Eu ri muito do pássaro  confuso.
*Elemental: ar = pensamento, comunicação, criatividade, espiritualidade, imaginação, maior consciência. Ampliação dos horizontes, buscar novas aventuras, humor.
*Totem pássaro azul: energia, clareza, comunicação, ou alertando para a falta dela.

*Transcendência, libertação. Totalidade. Um peso que sai dos ombros. Espiritualmente Livre! 

*Plumagem azul cintilante: Fim de um ciclo triste em que você esteve afetado por emoções adiversas. Azul espírito elevado.

*Viagem do eu mais profundo, sem limites... Aprimoramento espiritual, iluminação.

*Traçar um novo rumo. Mover idéias para a realidade. Seguir o seu coração. Fé. Viagens físicas ou psíquicas. Mais lazer, alegria.

*Sensações que eu senti ao me deparar com o pássaro azul: surpresa, paz, gratidão, alegria. Desejo de tocar o céu e não querer voltar. Ele parecia me desafiar: Se você quer voar se arrisque mais... Não fique bicando na cama... (Isso também o pássaro azul murmurou no sonho). 

*Ela pensa: um dia estarei livre prá sempre. Meu corpo e mente às vezes voam sem sincronia. Somente nos sonhos eles se encontram e levitam suavemente.

*Agora ela é um mítico pássaro azul, flutuando na vida... nas viagens astrais as vezes paira sobre o mar, as vezes num belo jardim... E pensa: Se a vida é  um mergulho em águas profundas, prefiro voar eu não sei nadar... e na terra por vezes sinto que não pentenço.  

*O pássaro diz que ela é só um projeto de anjo por isso vôa  tão raso... mas ele não sabe que ela já lidou com pessoas desonestas e passou por lugares sombrios, onde até os anjos voariam sentados! Não é fácil estar num penhasco com as asas machucadas... Ela mais parecia um passarinho arrepiado. 

(...) agora sua asa está quebrada, por vezes ela chega a pensar que foi erro de fabricação... O longo período de isolamento era para balanço e conserto.

*Diz o sábio: é sempre mais escuro antes do amanhecer. É preciso alcançar sua sombra antes da luz, abrace sua sombra.

*E pensava: você acha que a vida é justa e que ainda há esperanças? A esperança existe diz o poeta, mas não é para todos... então ela começou a enxergar todos os seres vivos com compaixão.

*A compaixão e a única forma de tocar a face de Deus. Ao ajudar um menos favorecido ajudamos a nós próprios. A nossa indiferença e só a nossa dor disfarçada.

*Quando a escuridão tomou conta do seu coração ela parecia uma flor retorcida

*Amaldiçoou seu destino que quase lhe tirou a sanidade... achou tratar-se de um castigo indigno, concedido pelos deuses incapazes de amar... 

*Ela já estava quase se acostumando com a sua tristeza, o desfile de cicatrizes... chegou a pensar que seu vôo foi cancelado a margem do precipício. E sentiu uma certa gratidão por cumprimentar a terra face a face... Um vôo no abismo.

*Naquele tempo a luz do quarto era o seu sol. Ela pensava: respire e espere, desta vez não tem a quem recorrer, agora é você com você mesma. 


*Todas as coisas devem chegar a um fim as boas e as ruins. Os momentos são fugazes, é certo, mas são justos.

*Mas um dia acordou e respirou... seria esse o grande segredo da vida? Respirar e a cada dia torcer para que a natureza siga seu curso serenamente sem se vingar após anos de destruição causado pelos humanos ou que nenhum doidinho entediado no poder provoque uma guerra?

*Ela lembrou que houve um tempo, muito tempo atrás, chegou a pensar que para ser feliz tinha que correr atrás da felicidade, era isso que todo mundo falava... 

*E descobriu que a felicidade está onde você se coloca plenamente. (...) Ela gosta de dirigir sem rumo, fotografar flores e paisagens, assim tenta eternizar momentos... e com sua imaginação ativa, ela vai onde sua alma está.
*O Anjo Pássaro Azul disse: 'para alcançar a face do Senhor, se faz necessário pouca bagagem, porque lá é tudo física quântica, a comunicação é telepática.' (Sic) 

*E alertou: em alguns momentos vocês se sentirão irremediavelmente sozinhos... Esse vácuo  foi a maneira que Deus achou para introduzir um amigo em suas vidas.

*Até então, ela havia voado distraída... metade decepção e a outra indiferença.

(...) então entendeu, que um coração partido ao encontrar outro coração semelhante, fica fortalecido, porque juntos não temem mais nada.

*E questionou o amigo: Você disse que dançaria comigo, mesmo quando tudo estivesse confuso. Você ainda quer dançar comigo?


*Pois para amar alguém verdadeiramente é preciso ter coragem de abraçar e dançar com sua sombra.

*Ela sabe que tem dias que sua vida apresenta as mais brilhantes cores, outros monocromáticos, por vezes um borrão.

*Pouco antes do por do sol ela costuma retirar-se para pintar suas loucuras nas longas noites de sonhos. 

*A sua logica: Sei que a vida é incerta, mas posso ser luz e cor, se eu quiser... sou o que penso, pensamento é ar, espírito... pensamento às vezes é brisa, outras vezes vento doido, numa ira frenética que me consome... 

*Mas o vento muda, vento norte, prenuncia novos começos... ela gira suavemente percebendo a gravidade do estrago. Lentamente a paisagem muda, ela está assustada ainda, mas levemente feliz.

*Ela diz que agora ficou mais fácil, mesmo com asas remendadas, parecendo uma colcha de retalho, (uma bela colcha que chegou a confundir o pássaro azul...). 

*(...) um pássaro mesmo enjaulado ou com as asas feridas pode voltar a voar instintivamente pois é de sua natureza. É como andar de bicicleta... só galinha está condenada a não voar.


*Ao menos a dor não resultou numa asa de metal. (...) alguém disse que pássaros voam porque seus ossos são ocos... O precioso beija-flor é só ritmo e cor e instante... apressadinho para existir... 

*O ser humano um lunático... persegue a felicidade futura e esquece o momento.

*Sem se dar conta que o desejo é um saco sem fundo. 

*Esperançoso pensa: Amanhã vai ser diferente... Esta é a armadilha.


*O pássaro azul também é um solitário, e talvez esteja dizendo: é no aconchego do seu lar, do seu coração, que você encontra o que mais se parece com amor e felicidade.

*A verdadeira felicidade está no coração e é resultado de força e pureza interior. Se você precisar das pessoas e distrações superficiais para estar bem e mentalmente vivo, então você ainda não encontrou a paz. 
                                               Ψ Fátima Vieira - Psicóloga Clinica

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Ψ "Cura" Gay - mas "curar" o que mesmo???

 *Carta de Sigmund Freud - 1935, mostra o que pensava o médico austríaco sobre a homossexualidade.

*(Ao lado, o que pensam algumas pessoas em 2016!)

*Freud deixa claro que não considera a homossexualidade uma doença, *que não confia em uma possível reversão da sexualidade e que *o melhor é discutir as angústias do filho e não o fato de ele ser homossexual...

*A carta começa com Freud cutucando o preconceito e vergonha da mãe, que não cita a palavra homossexual ao se referir ao rebento.

*A carta de Freud chegou até o sexólogo norte americano Alfred Kinsey (1984-1956) e foi publicada em uma edição do Jornal Americano de Psiquiatria em 1951, colaborando para a retirada da homossexualidade do rol de doenças psiquiátricas nos EUA trinta anos depois e finalmente em 1991 no rol de doenças da Organização Mundial da Saúde.

"Cara Sra.,

*Vejo pela sua carta que seu filho é homossexual.

*Estou muito impressionado com o fato de você não mencionar o termo ao fornecer informações sobre ele.

*Posso perguntar por que você o evita? A homossexualidade não é certamente nenhuma vantagem, mas não é nada do que se envergonhar, nenhum vício, nenhuma degradação
ela não pode ser classificada como uma doença; consideramos ser uma variação da função sexual, produzida por uma certa interrupção do desenvolvimento sexual. 

*Muitos indivíduos altamente respeitáveis de tempos antigos e modernos eram homossexuais, vários dos maiores homens entre eles. (Platão, Michelangelo, Leonardo da Vinci...). 

*É uma grande injustiça perseguir a homossexualidade como crime - e crueldade também.

*Se você não acredita em mim, leia os livros de Havelock Ellis. 

*Ao perguntar-me se eu posso ajudar, você quer dizer, suponho, se posso abolir a homossexualidade e instaurar a normalidade da heterossexualidade em seu lugar.

*A resposta é que de maneira geral não podemos prometer resultado. Em determinados casos conseguimos despertar tendências heterossexuais reprimidas, que estão presentes em todos os homossexuais, mas na maioria dos casos não é mais possível. 

*É uma questão da qualidade e da idade do indivíduo. O resultado do tratamento não pode ser previsto. 

*O que a análise pode fazer por seu filho é uma questão diferente. Se ele é infeliz, neurótico, dilacerado por conflitos, inibido em sua vida social, a análise pode trazer harmonia, paz de espírito, eficiência, quer ele siga homossexual ou se modifique.

*Se você se convencer de que ele deve fazer análise comigo - eu não espero que aconteça - ele terá de vir para Viena. Eu não tenho nenhuma intenção de sair daqui. No entanto, não esqueça de me dar a sua resposta.

Atenciosamente, Freud."

*O Que Diz o CFP (Conselho Federal de Psicologia) ?
*De acordo com a regulamentação, em seu art. 1º,  psicólogas (os) atuarão segundo os princípios éticos da profissão notadamente aqueles que disciplinam a não discriminação e a promoção e bem-estar das pessoas e da humanidade, o que também está disposto no art. 2º do Código de Ética da profissãoque veda à categoria praticar ou ser conivente com quaisquer atos que caracterizem negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade ou opressão.


(...) Estão proibidos de exerceram qualquer ação que favoreça a patologização de comportamentos ou práticas homoeróticas, e adotarem ação coercitiva tendente a orientar homossexuais para tratamentos não solicitados

Fonte: Freud fala sobre homossexualidade a mãe de jovem gay | Revista Lado A - http://revistaladoa.com.br/2015/03/noticias/em-curiosa-carta-freud-fala-sobre-homossexualidade-mae-jovem-gay

http://www.crpsp.org.br/portal/midia/fiquedeolho_ver.aspx?id=605

Ψ Fátima Vieira - Psicóloga Clínica 

domingo, 27 de novembro de 2016

Morre Fidel Castro o polêmico líder cubano

 New York Times: “Fidel Castro, cubano revolucionário que desafiou os Estados Unidos, morre aos 90”  

(1926 - 2016) 
"É isso que eles não podem nos perdoar, ...que tenhamos feito uma revolução socialista debaixo dos narizes dos Estados Unidos. Esta é a revolução socialista e democrática dos humildes, com os humildes e para os humildes."

(...)  "E seus inimigos não dizem que apesar de todos os pesares, das agressões de fora e das arbitrariedades de dentro, essa ilha sofrida mas obstinadamente alegre gerou a sociedade latino-americana menos injusta”, escreveu Eduardo Galeano, no livro "Espelhos, uma história quase universal"
*tradução: Eric Nepomunceno

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Ψ A nossa loucura não é para ser desprezada!

*Fique em silêncio e ouça: você tem reconhecido a sua loucura e tem admitido isso?

*Você já reparou que todos os seus fundamentos estão completamente mergulhados na loucura? 

*Por que você não tenta reconhecer a sua loucura  de maneira amigável?

*Você aceita tantas coisas... Portanto, aceite a sua loucura também

*Deixe o brilho da loucura derrepente, amanhecer com você. 

*A loucura não é para ser desprezada, e não deve ser temida, mas em vez disso você deve dar-lhe vida e reconhecê-la... 

*Se você quiser encontrar caminhos, você também não deve desprezar loucura, uma vez que ela também é parte de sua natureza ...

*E sinta-se feliz se você puder reconhecê-la, pois só assim você vai evitar tornar-se sua própria vítima.

*A loucura é uma forma especial do espírito. 

*A própria vida diária é cheia de loucura e, no fundo, totalmente ilógica. 

*O homem se esforça para fabricar regras para si e para os outros e vai além da razão para caber nelas. 

*A vida em si não tem regras. Esse é o seu mistério e sua lei desconhecida.

*O que você chama  conhecimento é uma tentativa de impor algo compreensível sobre a vida. " 



 CG Jung , O Livro Vermelho 
( Ψ Fatima Vieira - Psicóloga Clínica)

(...)

"Não podemos nos permitir ingenuidade no estudo dos sonhos, eles tem sua origem em um espírito que não é bem humano, e sim, um sopro da natureza - o espírito de uma deusa bela e generosa, mas também cruel." (Carl Gustav Jung in: 'O Homem e seus Símbolos')

Karl Brioullov

Victor Florença Pollet

Eric Edwards
  
                                                             
  "Noites através de sonhos contam os mitos esquecidos de cada dia." 
                                                                     (CG Jung in: 'Memórias, Sonhos, Reflexões' ) 

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

(...)


"O que faz os homens sociáveis é a sua incapacidade de suportar a solidão, e portanto, a si mesmos... pois livre dos fardos da vida o homem é responsável por si mesmo. Ele se torna o seu próprio fardo. E esse é o problema!" (Schopenhauer)

(...)

A sensatez de poucas leis e decretos: "Penso que um excesso de decretos e de interditos prejudica a autoridade da lei.

Podemos observá-lo: onde existem poucas proibições, estas são obedecidas; onde a cada passo se tropeça em coisas proibidas, sente-se rapidamente a tentação de infringi-las. 

Além disso, não é preciso ser-se anarquista para se ver que as leis e os decretos, do ponto de vista da sua origem, não gozam de qualquer caráter sagrado ou invulnerável.

Por vezes são pobres de conteúdo, insuficientes, ofensivas do nosso sentido de justiça, ou nisso se tornam com o tempo, e então, dada a inércia geral dos dirigentes, não resta outro meio de corrigir essas leis caducas senão infringi-las de boa vontade! 

Para mais, é prudente, quando se pretende manter o respeito por leis e decretos, não promulgar senão aqueles cuja observação ou infração possam ser facilmente controladas." (Sigmund Freud)

(...)



(...)

05/11/16 - O Papa Francisco mandou um recado aos fieis do mundo todo, que resume exatamente o que está acontecendo no Brasil. Ele disse que devemos nos atentar para um terrorismo de estado que quer governar com o chicote do medo.

 “Quem governa então? O dinheiro.
Como governa? Com o “chicote do medo, da desigualdade, da violência econômica, social, cultural e militar que gera sempre mais violência em uma espiral descendente que parece não acabar nunca. Quanta dor, quanto medo! Existe um terrorismo de base que deriva do controle global do dinheiro sobre a terra e ameaça toda a humanidade”.

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

eu quero a poesia numa taça...

MARCANTE, Alexandre 
AMS publicações & casa das letras. 1999
(todos os direitos reservados do autor)

domingo, 20 de novembro de 2016

(...)


*Puuung artista coreano na série “Love is…” explora a rotina e o convívio de um casal dentro de um pequeno apartamento ou mesmo pelos arredores do bairro. 

*Com cores quentes e detalhes sutis ele apresenta o amor de uma forma delicada e aconchegante.

*Observe a sintonia do casal e o ambiente de cumplicidade.








 
       

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Ψ Super Lua Cheia... Dançando com Selene

*A Lua Cheia do dia 14 de novembro de 2016 será extraordinária, não apenas por se tratar de uma Super Lua, mas sim por ser a maior e mais brilhante Super Lua em cem anos.


Dançando com a Lua: Arquétipos, poesia e Empoderamento Feminino

*Jung refere que os deuses e todos os mitos que os cercam são símbolos arquetípicos que dizem respeito ao nosso inconsciente coletivo e são compartilhados por toda a humanidade.

*Uma vez que os planetas são nomeados por forças divinas arquetípicas, eles carregam em si a influência do simbolismo que tais arquétipos têm.

*De acordo com Jung, estas realidades simbólicas podem interagir com os eventos de nossas vidas através de processos chamados sincronicidade, o que justifica que a razão física para as ferramentas mágicas.

*As representações míticas e artísticas das deusas clássicas fornecem uma espécie de "mapa" que nos guiam neste processo terapêutico de autoconhecimento e cura.
*Celestial deusa Selene: A estrela da noite: Com asas de prata e um diadema de ouro, Selene brilhava ao longo das terras da antiga Grécia. A deusa da lua Selene cativou os corações dos antigos poetas, autores e oradores, tornando-se tanto um símbolo da noite gloriosa como a luz proverbial na escuridão.


*Conhecendo a dinâmica do arquétipo de determinada deusa podemos abordar o mundo sob um novo olhar, na construção de uma nova identidade ao invés de seguirmos cegamente estereótipos sexuais culturais que a civilização nos impõe.

*A deusa Selene quando constelada manifesta-se psicológicamente como a mulher íntegra, serena, sensual, com poderes de autonomia, generosa, senhora de suas escolhas.

"Estou livre das opiniões dos outros, meu poder de discernimento é finamente aguçado... penso por mim mesma. Ajusto a mira e aponto o arco. Minha seta sempre atinge o alvo." (Amy Sophia Marashinsky)

*Com Sua luz suave, cintilante e prateada, a lua cheia simboliza a crescente conscientização, a plenitude das emoções amorosas, charme e encantamentos, disponivel para todos, mas aproveitado somente pelas almas atentas. Símbolos: prata ou branco, água, desenhos da lua, número 13; rosa branca, vela branca, coruja, Dia mágico: segunda-feira.

*Atributos lunares: fecundidade, instinto, criatividade, sorte, feminilidade, elemento água, milagres e curas, também a segurança nas viagens. *Inspiração, imaginação, intuição. Desenvolvimento das faculdades psiquicas latentes. Viagens astrais. A paixão e dedicação altruísta para todos os seres vivos. E a celebração de todas as coisas que fazem nossos corações cantar, como a arte da música, a poesia, a natureza, o romance.

*O aspecto sombra é paixão obsessiva, ciúme exacerbado, Intenções ocultas, que tem impacto negativo sobre saúde e autoestima.
*Fonte: Campbell, J. A Mythic Imagem
Ψ Fátima Vieira - Psicóloga  Clinica

domingo, 13 de novembro de 2016

(...)

"As obras de arte são de uma solidão infinita: nada pior que a crítica para as abordar. Apenas o amor pode captá-las, conservá-las e ser justo em relação à elas."  (Rainer Rilke) 

Arte: Margareth Keane